Tem momento mais importante para falar sobre saúde do que agora? No período em que o mundo vive uma das maiores crises sanitárias da história, é natural que nossa atenção se volte para nossa qualidade de vida, tanto no sentido físico quanto mental.

Falando nisso, bora avaliar como está a sua saúde em vários aspectos? Criamos um teste para você, em que cada item ‘BOM’ vale 3 pontos, ‘MÉDIO’ vale 2 e ‘RUIM’ vale 1. Veja só: 

Hoje, dia cinco de agosto, celebramos o Dia Nacional da Saúde. E por que não aproveitá-lo para lembrar de pequenas atitudes que podem tornar o dia a dia mais saudável e prazeroso?

Venha conferir alguns lembretes importantes que separei para você:

1. Ajuste sua rotina

Se você sente que sempre está correndo e não tem tempo para fazer tudo o que quer, é o momento de reavaliar sua rotina. A maneira mais simples de fazer isso é listando todas as suas obrigações e compromissos e dividindo entre os dias da semana. Avalie se cabe tudo o que planejou. Se não, priorize o que é mais importante para você.

Precisa de ajuda para definir suas prioridades?  A Matriz de Eisenhower pode ser uma ferramenta perfeita para isso. Ela divide as tarefas entre quatro quadrantes:

  • importante e urgente
  • importante, mas não urgente
  • urgente, mas não importante
  • não urgente e não importante

Classifique sua lista de afazeres de acordo com essas classificações. As importantes são aquelas atreladas aos seus objetivos e metas. Já as as urgentes são as que têm data e horário para serem concluídas. Vale, inclusive, dividi-las e, em alguns casos, delegar para outras pessoas.   

2. Esteja bem por completo

Antes de realizar qualquer mudança significativa na sua vida, vale fazer aquele check-up geral para garantir que esteja tudo bem. Atualize sua agenda de visitas ao médico, renove seus exames com regularidade e procure por profissionais de confiança para te acompanhar.

Esses cuidados fazem parte daquelas obrigações que geralmente são adiadas, mas são imprescindíveis antes de mudar a alimentação, começar um exercício e também durante períodos em que exigimos mais da nossa mente, como finais de semestre e de curso, além de ser um acompanhamento essencial de nossa saúde física. 

3. Dê match com o exercício perfeito

Quando você pensa em começar uma atividade física, o que vem à sua mente? Já parou para pensar que existem muitas possibilidades além das que você pode imaginar?

Muitas vezes, a falta de consistência acontece por que não escolhemos a modalidade ideal para nós. É aquele famoso caso de assinar um plano anual na academia e desistir depois de poucos meses. 

Quer uma sugestão para começar algo novo? No Câmpus de Jaraguá do Sul, a nossa Pastoral Universitária promove aulas gratuitas de Taekwondo. Para mais informações ou realizar sua inscrição, é só mandar um e-mail para pastoral@catolicasc.org.br

Outra possibilidade é transformar atividades que já gostamos em forma de se exercitar, como fazer uma aula de dança ou caminhar ao ar livre.

4. Seja gentil com você mesmo(a)

Buscar melhorar sempre é muito importante, mas quando isso se torna uma obrigação, pode gerar efeitos contrários. Não conseguiu fazer atividade física todos os dias da semana? Comeu aquele docinho que não estava programado no cardápio? Tudo bem! Lembre que amanhã é um novo dia e uma nova oportunidade para fazer melhor. 😉

O equilíbrio mental é um dos princípios do autocuidado e, de vez em quando, é preciso de ajuda para alcançá-lo. É por isso que a Católica oferece o SOU (Serviço de Orientação Universitária) que promove ações educativas e serviços como assistência social, atendimentos psicopedagógicos e pastoral, tudo feito por profissionais especializados e privacidade garantida ao estudante.

Entre em contato e solicite o seu atendimento: para os campi de Jaraguá do Sul, Florianópolis e Itajaí, use o e-mail: sou@catolicasc.org.br. Se você estuda em Joinville, o e-mail é sou.joi@catolicasc.org.br.

5. Valorize seus momentos de descanso

Com as cobranças da rotina, é normal que a gente deixe as pausas tão necessárias em segundo plano. No entanto, é imprescindível planejá-las para tornar os momentos de descanso especiais. 

Além de separar um dia ou algumas horas, prepare um ambiente agradável e escolha uma atividade que goste. Aqui as opções são infinitas, o importante é descansar! Pode ser algo como assistir um filme ou série, tomar um banho relaxante, fazer uma sessão de skincare,  preparar uma refeição gostosa, entre outros.

6. Dê um tempo do que te faz mal

No dia a dia, pode ser difícil prestar atenção em ações que podem ser prejudiciais para nosso bem-estar físico e mental. Um exemplo disso é o uso excessivo do celular: ele pode tirar nossa atenção de coisas mais importantes, como trabalho e estudo, fazendo com que a energia seja gasta com algo aparentemente inútil. Além disso, horas olhando para baixo para a tela pode causar dores de cabeça e nas costas. 

Por outro lado, se desconectar traz diversos benefícios, como aumento da tranquilidade, disposição e concentração. Que tal tentar, pelo menos por um dia, desativar as notificações, deixar o celular longe algumas horas e sair temporariamente das redes sociais?

E aí, quais dessas práticas já fazem parte da sua vida? E qual delas você pensa em incluir? Vale tudo para ficar bem, não é? 😌

Você também pode gostar de:
6 passos para vencer a procrastinação;
7 motivos para começar a meditar hoje mesmo;
Por que é tão importante desenvolver a inteligência emocional? 

Vale lembrar de algumas carreiras para quem também quer promover esse bem-estar. Que tal conhecer alguns de nossos cursos?

A nossa saúde plena é tão importante que foi tema de um artigo escrito pelo ex-reitor Diogo Richartz Benke. Aproveite para seguir as nossas redes sociais e ficar por dentro de mais conteúdos como esse: Facebook, Instagram ou LinkedIn

Até mais!